22.4.16

Update

A dulcíssima Orchidée ao volante, o brilhante J. E. de Andrada de pendura e eu -- no banco de trás, com um livro de Calvino como bagagem.