8.1.17

weblog [Stevens e Hemingway]

Fiquei muito satisfeito ontem à noite ao ver quão grande é Mr. Stevens e estou certo de que se tivesse olhado bem para ele antes de tudo começar não teria sentido sequer bater-lhe. Mas posso assegurar-lhe que não há ninguém como Mr. Stevens para cair de uma forma espetacular, especialmente numa grande poça de água na rua em frente à sua antiga casa, onde tudo aconteceu.
de uma carta de Hemingway à sua amiga Sarah Murphy após a cena de pugilato que teve lugar entre ele e Wallace Stevens em 1936, em Key West, Flórida.