2.4.17

Não é sobre a minha altura

Não é sobre a minha altura, este texto. Eles passam por mim e noto que as respetivas cabeças ficam ao nível do meu ombro. Se as idades tivessem cabeça estariam abaixo do limiar do meu pulso. Ouço-o a ele dizer para ela: Deixa-me, quero ser livre (e considere-se aqui acrescentado um aguçado ponto de exclamação). Não é sobre a minha altura, este texto, disse acima. Mas creio que quando ele tiver a minha altura, se a vier a ter, dirá o inverso. Pensei nisto, mas não lho disse. A altura não era adequada.