7.6.17

As palavras de amor

Não as digas,
se não quiseres;

não é necessário.

Quando
me olhas
dessa forma,
às vezes…

sei que estão
todas aí.

[Baseado em Karmelo C. Iribarren. (Quando aqui aqui escrevo «baseado» é porque acredito que a poesia é intraduzível.)]