19.7.17

aprendiz de poeta

espalho outra película de luz
sobre camadas lucentes
que antes pintei
na minha ânsia insana
de te captar de corpo inteiro
nas três dimensões
de um poema relevado
na tela da página