21.6.18

Irreversível

Ainda que a trovoada de madrugada o pretendesse negar, é o perfume do arvoredo em frente trazido pelo vento da noite que me sussurra que a chegada do verão é irreversível.