13.7.18

As leis de Newton

Nos «Diários», para além das notas sobre a dor de cabeça recorrente, queixa-se Kafka, quase a cada página, da sua incapacidade para escrever «uma linha». E tal é a frequência com que o faz que, sabendo o que ele conseguiu escrever, parece ter descoberto secretamente a panaceia para o pavor da folha em branco: escrevendo que não escreveu, já escreveu. As leis de Newton encarregam-se depois do resto.