7.7.18

_

Quando nos cruzámos e nos cumprimentámos, com o mesmo sorriso, o mesmo aceno, de há tantos anos, ele, homem tão previdente, se o soubesse, ter-mo-ia dito, disso não duvido. Afinal, eu só o soube passados estes dias todos. Ele, creio, pelo que me contaram, nem o chegou a saber.