20.3.19

De uma observação particular

Um aforismo é uma observação particular insuflada a verdade universal, um sargento que se faz passar por general.

[De uma observação particular de Stefan Kanfer.]

18.3.19

Disto, da vida

Viver é escrever sem corretor.

Todo o tempo do mundo para esperar

Quando os encontro, por todo o lado, de câmera de telefone assestada, não para o mundo, mas para eles próprios e, vá, para os que os rodeiam, tendo a pensar que são demasiado centrados neles mesmos ou seja, se não vazios, pelo menos de escassa substância. Mas ao percorrer, nos últimos dias, milhares de fotografias tiradas por mim, ao longo de muitos anos, repletas de monumentos, pedras antigas, montes, árvores e realidades inertes, pergunto-me se não são eles que têm razão. São as pessoas que me faltam nas fotos. As pedras, as que lá estavam, ainda lá estão, e essas têm todo o tempo do mundo para esperar.

16.3.19

A maior parte do seu poder misterioso

Os poemas devem ser lidos muito lentamente, já que a maior parte do seu poder misterioso está oculta em tons que devem ser ouvidos nos silêncios entre linhas, e nos silêncios ainda mais estranhos dentro das linhas.

[W. S. Merwin, 1927-2019]